Argentina aumenta suas restrições devido ao COVID-19

O presidente argentino, Alberto Fernández, anunciou novas medidas para enfrentar a segunda onda de infecções por coronavírus. Das 20h00 às 18h00 será proibida a circulação na área metropolitana de Buenos Aires.

Além de restringir ainda mais a circulação, foi decidido suspender as aulas presenciais por duas semanas e proibir as atividades esportivas, culturais, sociais e recreativas. Da mesma forma, o Exército argentino sairá às ruas para colaborar com os controles sanitários. Todas as novas medidas serão implementadas apenas na AMBA, porém a presidente convidou prefeitos e governadores a aderir.

O decreto anunciado pela presidente entrará em vigor a partir de sexta-feira, dia 16 de abril, enquanto a suspensão das aulas presenciais será de segunda-feira, dia 19, a sexta-feira, dia 30 de abril. Por outro lado, as atividades comerciais funcionarão entre as 9 da manhã e até às 19 horas e as atividades gastronômicas funcionarão em regime de entrega ao domicílio fora dos horários permitidos.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscríbete a nuestro newsletter para recibir ofertas y novedades

[recaptcha]