Viagem na pandemia: tudo o que você precisa saber sobre seguro viagem internacional de COVID-19

Seguro Viagem Internacional Covid

A pandemia impactou o mundo inteiro por, pelo menos, dois anos. Agora, com a autorização para turistas viajarem, muitas dúvidas surgiram sobre o seguro viagem internacional de COVID

Na verdade, não importa se seu destino é um país estrangeiro ou um estado brasileiro, as dúvidas sobre seguro viagem com cobertura para COVID são válidas, afinal, no primeiro ano da pandemia, poucas seguradoras ofereceram assistência para os casos de contaminação.

Abaixo, veja as principais informações sobre o seguro viagem de COVID e as coberturas básicas dos serviços oferecidos pelas seguradoras. Tire suas dúvidas sobre o seguro-viagem, independentemente do seu destino!

Seguro-viagem internacional

Por conta dos avanços da vacinação em diversos países, o turismo voltou a crescer, e as pessoas voltaram a se sentir seguras para viajar. Entretanto, nem sempre as seguradoras oferecem um seguro-viagem internacional de COVID, ou seja, um seguro que cubra com as possíveis despesas ocasionadas pelo vírus.

O melhor seguro viagem internacional deve oferecer, no mínimo, cobertura para despesas médicas e hospitalares, mas isso não significa que há cobertura médica em casos de contaminação por coronavírus. 

Em alguns países em que o seguro já era obrigatório, passou a ser exigido uma espécie de seguro viagem de pandemia, isto é, um seguro que cubra as despesas que um turista possa ter por conta da pandemia.

Argentina, Chile, Costa Rica, Egito e Uruguai são alguns países que exigem seguro-viagem internacional de COVID, por exemplo. Para entrar nos Estados Unidos, não é obrigatório ter o serviço, mas é exigida a carteira de vacinação completa para brasileiros, por exemplo. 

A União Europeia já exigia seguro-viagem internacional para turistas não europeus, mas, com a pandemia, algumas exigências ficaram mais rígidas. Atualmente, é possível entrar nos países pertencentes à UE com base na vacinação do turista e no país de origem, além da apólice do seguro-viagem.

Na hora de comparar os preços, é necessário que o viajante esteja atento se o seguro-viagem contrato cobre diárias e remarcação de passagens em casos de quarentena, por exemplo, e se o país de destino exige seguro-viagem.

Seguro viagem nacional

Se o seu destino for nacional, não é obrigatório contratar os serviços de uma seguradora, mas é altamente recomendável. Justamente por conta do coronavírus, um seguro saúde para viagem é de extrema importância.

As vantagens do seguro viagem vão desde assistência médica até indenização por hospitalização devido ao diagnóstico de COVID-19 durante a viagem. Além disso, alguns pacotes oferecem hospedagem do acompanhante em caso de hospitalização por COVID (ou outras doenças).

Programe sua viagem com antecedência

Antes de qualquer decisão, o viajante deve ter toda a programação da viagem em mãos no momento de contratar o seguro-viagem internacional de COVID (ou nacional). Mesmo que a intenção seja um passeio “sem roteiro”, é importante ter uma ideia do período de duração da viagem.

Após decidir para onde viajar na pandemia, como destinos nacionais ou europeus, e por quantos dias, é hora de começar a cotar preços de seguros e coberturas oferecidas.

Lembre-se de que uma boa pesquisa resulta na contratação de um seguro com custo-benefício vantajoso, que oferece ampla cobertura por um preço menor e que cabe no seu bolso. 

Valorize as coberturas de seguradoras com credibilidade no mercado. É possível encontrar pacotes de coberturas que combinam com o tipo de viagem que você pretende fazer por ótimos preços.

Preços e coberturas

Quem acredita que o seguro-viagem internacional de COVID possui um preço inacessível, está muito enganado. Em algumas viagens para países estrangeiros, é possível encontrar opções que saem menos de R$ 10 por dia.

A Universal Assistance, por exemplo, oferece coberturas para COVID por preços justos e amplos serviços. Com os pacotes, o contratante terá assistência médica, teleatendimento 24h, autogestão e triagem médica, cobertura em casos de extravio de bagagens, remarcação de voos por COVID, entre outros.

Além disso, a Universal Assistance possui um aplicativo fácil e intuitivo para ajudar e monitorar a viagem, informando as últimas notícias sobre a pandemia e possíveis novas exigências do país de destino.

Com mais de 40 anos de história, os serviços de assistência possuem uma cobertura completa e de qualidade. Em seguro de viagem internacional ou nacional, o viajante encontrará à disposição: 

  • Serviço de teleassistência (consultas por meio de videochamadas);
  • Assistência médica em casos de doenças e acidentes;
  • Assistência odontológica;
  • Assistência legal;
  • Assistência em caso de cancelamento de serviços e voos;
  • Assistência em casos de perda de documentos;
  • Assistência em casos de perda ou extravio de bagagem;
  • VIP Delay, que possibilita o acesso às salas VIPs em todo o mundo em casos de atrasos de mais de uma hora;

Faça uma cotação sem compromisso com a Universal Assistance

Agora que você já sabe tudo sobre o seguro-viagem internacional de COVID, conheça os serviços que a Universal Assistance cobre e compare os preços das opções de pacotes. O melhor seguro-viagem é aquele que combina com o seu tipo de viagem.

Faça a cotação on-line do melhor seguro-viagem e avalie os serviços de coberturas oferecidos. Depois, é só solicitar o contato com os especialistas e tirar as últimas dúvidas para garantir a viagem dos sonhos com segurança e garantia do cumprimento de protocolos sanitários da pandemia.

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Subscríbete a nuestro newsletter para recibir ofertas y novedades

    [recaptcha]